Sábado, 28 de Abril de 2012

 

 

A Escola Superior Agrária de Coimbra (ESAC) é uma unidade orgânica do Instituto Politécnico de Coimbra que comemora, no corrente ano, 125 anos de existência! Parabéns à  ESAC! Por esta razão, achámos que era uma boa oportunidade para visitarmos a mais antiga instituição portuguesa dedicada ao ensino e à investigação na área da agricultura. Rumámos pois a Bencanta, onde se localizam as instalações da ESAC.

 

 

 

Aqui se lecionam diversos cursos, desde os de especialização tecnológica até às licenciaturas e mestrados em diferentes áreas, que vão desde a engenharia agro-pecuária e alimentar, até aos recursos florestais e o ecoturismo. São muitas as opções para quem pretender seguir estudos nestes domínios.

 

 

 

O nosso objetivo principal era conhecer o museu agrícola instalado no campo de Bencanta. Infelizmente, fomos informados que o museu se encontra atualmente encerrado, pois está a ser remodelado, pelo que não o pudemos visitar. Fica para a próxima.

 

Além do museu, a vasta quinta de Bencanta possui  um laboratório de reprodução animal, uma estação agro-meteorológica, diversos laboratórios científicos que apoiam o ensino e a investigação, além de prestarem serviços à comunidade.

 

 

 

Começámos a nossa visita pelo picadeiro, onde vimos os cavalos a sairem para uma volta pelo campo, pois estava um belo dia. Como nos deixaram aproximar de um cavalo, ficámos todos encantados. Todos não, porque o José Afonso acabou por confessar que, embora goste da vida do campo, não acha lá muita piada aos cavalos.

 

  

 

De seguida, fomos até ao aviário de exposição, onde se exibem uma grande variedade de aves de capoeira: pombos, patos, gansos, galinhas, perus, ...

Detivemo-nos largos minutos a «conversar» com esta bicharada, principalmente com o peru que respondia às nossas provocações com uns sonoros glus que fizeram a alegria da rapaziada:

 

 

 

Percorremos os caminhos entre os pavilhões da quinta, até chegarmos a um redondel, já degradado e desativado, onde em tempos não muito distantes se terão certamente lidado alguns garraios. Em face deste cenário inspirador, os nossos amigos dedicaram-se a encenar uma bela tourada. Como não havia animais para a lide, logo uns se dispuseram a servir de touro, investindo fortemente sobre os improvisados toureiros. Na imagem, podemos ver o David a lançar-se sobre o Dany e o José Afonso, que enfrentam o «perigoso animal» com coragem e uns capotes arranjados à pressa, enquanto os forcados se aprestam para uma pega difícil, considerando a dimensão do «bicho»:

 

 

No final, junto ao campo de rugby, o Tomás deu-nos uma esclarecedora lição sobre as regras deste desporto que ele pratica. A ESAC tem já longas tradições nesta modalidade, quer com as suas equipas masculinas, quer femininas.

 

 

O Tomás na sua preleção

 

 

Uma plateia muito atenta



publicado por CP às 11:49
Blogue oficial do Clube do Património da Escola Básica Eugénio de Castro - Coimbra
mais sobre mim
Abril 2012
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
13
14

15
16
17
18
19
20

22
23
24
25
26
27

29
30


pesquisar neste blog
 
blogs SAPO